PROPOSTA DE UM MODELO DE MAPA DE RISCO PARA AS CENTRAIS DE CONCRETO E ARGAMASSA EM CANTEIROS DE OBRAS DE EDIFICAÇÕES DA CIDADE DE JUAZEIRO DO NORTE-CE

Maria Regilene Gonçalves de Alcântara, Lúcia Andréa Sindeaux de Oliveira, Terezinha de Jesus Carvalho de Oliveira

Resumo


O presente trabalho teve como objetivo propor um modelo de mapa de risco para as centrais de concreto e argamassa em canteiros de obras de edificações. Verificando a incidência de riscos de acidentes, classificando-os e representando-os graficamente e também verificar o nível e insalubridade térmica do ambiente de trabalho. Foram visitadas três obras, onde se observou a disponibilidade dos canteiros em relação ao layout das centrais, retirando medidas e distancias dos materiais. Observou-se o trajeto dos operários e as atividades que cada um executava. Foram mensuradas, apenas para a central C, as variáveis ambientais através do conjunto IBUTG, para averiguar se o ambiente era insalubre para o trabalhador. Durante este período na mesma central também foi averiguado se os trabalhadores estão expostos a riscos químicos, físicos, mecânicos, ergonômicos e biológicos. Com isso, foi-se possível representar graficamente os riscos existentes nas centrais de concreto e argamassa.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21439/conexoes.v1i1.142

Direitos autorais