ANÁLISE DE MELHORAMENTO DE SOLO COM BRITA E RESÍDUOS DE CONSTRUÇÃO E DEMOLIÇÃO PARA CAMADAS DE PAVIMENTOS NO ESTADO DO CEARÁ

Cássio Adler Vitorino Gonçalves Leite, Tarcísio Ferreira Pimentel Neto, Marcos Fábio Porto de Aguiar, Francisco Heber Lacerda de Oliveira

Resumo


O presente trabalho trata da análise do comportamento e das características mecânicas de solos, considerando misturas com adição de asfalto fresado, brita e resíduos de construção e demolição. O solo estudado, de baixa capacidade de suporte, com ISC (Índice de Suporte Califórnia) equivalente a 2,28%, foi adquirido de um trecho da Rodovia CE - 261, na cidade de Icapuí, estado do Ceará. O asfalto fresado, a brita e o resíduo de construção e demolição (RCD) são provenientes da região metropolitana de Fortaleza. Com o objetivo de melhorar a capacidade de suporte do solo, a fim de que possa ser utilizado em camadas de sub-base ou base de pavimentos asfálticos, foram elaboradas 5 misturas com diferentes proporções entre os materiais. O solo foi devidamente classificado de acordo com o sistema TRB (Transportation Research Board), como sendo um pedregulho siltoso (A-2-4). Foram realizados, também, ensaios de caracterização e compactação para o solo e as misturas e também ISC, de acordo com as especificações vigentes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT). Constatou-se, com o ensaio de ISC, um aumento significativo da capacidade de suporte do solo após adição gradativa de brita, mas não atingindo valores suficientes de capacidade para sub-base de pavimentos. As misturas de solo com asfalto fresado não apresentaram ganhos de capacidade, não apresentando valores satisfatórios para utilização em sub-base. A mistura composta por RCD apresentou um ganho significativo de capacidade de suporte, mostrando valores aceitos para utilização em sub-base.

Texto completo:

PDF

Referências


ARAÚJO, A.; BARROSO, S. H. A. O uso da técnica de solo-cal para melhoramento das propriedades tecnológicas de um solo da região do baixo jaguaribe no estado do ceará. In: XXI Congresso de Pesquisa e Ensino em Transportes. [S.l.: s.n.], 2007.

BALBO, J. T. Pavimentação Asfáltica: Materiais, projetos e Restauração. São Paulo, 2007.

BERNUCCI, L.; MOTTA, L.; CERATTI, J.; SOARES, J. Pavimentação Asfáltica: Formação Básica para Engenheiros. Rio de Janeiro, 2006.

DNER. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. DNER ME 122, Solos - Determinação do limite de liquidez - Método de ensaio. Rio de Janeiro, 1994.

_____. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. DNER ME 082: Solos - Determinação do limite de plasticidade - Método de ensaio. Rio de Janeiro, 1994a.

_____. Departamento Nacional de Estradas e Rodagens, DNER-ME 080, Solos - Análise Granulométrica por Peneiramento - Método de ensaio. Rio de Janeiro, 1994b.

_____. Departamento Nacional de Estradas e Rodagens, DNER-ME 049, Solos-Determinação do Índice de Suporte Califórnia Utilizando Amostras não Trabalhadas - Método de ensaio. [S.l.], 1994c.

_____. Departamento Nacional de Estradas e Rodagens, DNER-ME 162, Solos-Ensaio de Compactação Utilizando Amostras Trabalhadas - Método de ensaio. [S.l.], 1994d.

_____. Departamento Nacional de Estradas e Rodagens, DNER-ME 93, Solos - Determinação da densidade real - Método de ensaio. [S.l.], 1994e.

_____. Departamento Nacional de Estradas e Rodagens, DNER-ME 53, Misturas Betuminosas - Percentagem de Betume - Método de ensaio. [S.l.], 1994f.

_____. Departamento Nacional de Estradas e Rodagens, DNER-ME 54, Solos - Equivalente de areia - Método de ensaio. Rio de Janeiro, 1997.

_____. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. DNER ME 035/1998: Agregados - Determinação da abrasão "Los Angeles- Método de ensaio. Rio de Janeiro, 1998.

DNIT. Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes. DNIT ES 031, Pavimentos flexíveis - Concreto asfaltico - Especificação de Serviço. Brasília, 2004.

_____. Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes. DNIT ES 141/2010: Pavimentação - Base Estabilizada Granulometricamente. Brasília, 2010.

_____. Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes. DNIT ES 139/2010: Pavimentação - Sub-Base Estabilizada Granulometricamente. Brasília, 2010a.

PAULIFRESA. 2012. Acesso em: 27 de maio de 2012. Disponível em:

< http://www.paulifresa.com.br/samba/index.php?option=com_content&view=article&id=117:reciclagem-de-base-com-adicao-ou-nao-de-materiais-como-cimento-brita-cal-etc&catid=45:reciclagem >.

PORTAL SÃO FRANCISCO. 2012. Acesso em: 27 de maio de 2012. Disponível em: < http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/meio-ambiente-solo/meio-ambiente-tipos-de-solo.php#ixzz1w5JKfN1d >.




DOI: https://doi.org/10.21439/conexoes.v10i2.795