CAMPANHA PRATO LIMPO: EVITANDO O DESPERDÍCIO DE ALIMENTOS NO REFEITÓRIO DO IFPE CAMPUS BELO JARDIM

Silvia Patrícia de Oliveira Silva Bacalhau, Maria do Socorro Santos da Silva, Joelma Fortunato Cordeiro Alves, Francisco das Chagas Lino Lopes, Anderson Acioli Gomes, Gesilda Marques da Silva Ramos, Jessica Sabrina de Oliveira Menezes

Resumo


Em comemoração ao Dia Mundial da Alimentação e considerando a quantidade de alimentos desperdiçada no refeitório do Campus Belo Jardim do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), foi lançada em 16 de outubro de 2012 a Campanha Prato Limpo. O objetivo da Campanha foi motivar os usuários a reduzir o desperdício de alimentos, contribuindo para o desafio atual da construção da sustentabilidade da vida no planeta. Este artigo trata-se de um estudo de caso sobre as atividades educativas acerca do tema realizadas durante quatro semanas no refeitório do Campus. As atividades foram compostas de: 1) entrega de folders informativos sobre desperdício de alimentos, alimentação saudável e regras da Campanha; 2) exposição em forma de gêneros alimentícios crus do quantitativo desperdiçado semanalmente: 246 kg; 3) entrega de cartela a ser carimbada sempre que o usuário devolvesse sua bandeja sem restos, para participação de sorteios; 4) concurso de frases e poesias sobre desperdício de alimentos; 5) exposição de frases educativas por todo o refeitório, em português e em inglês; 6) pesagem dos resí- duos ao final do horário do almoço. O concurso de frases teve quatro estudantes vencedores e o concurso de poesia, um. A redução do desperdício chegou a 61%. O objetivo da campanha foi alcançado, porém, é necessária a prática contínua da conscientização dos comensais sobre a importância do combate ao desperdício de alimentos, no sentido de se servirem somente do que vão ingerir. A diminuição na quantidade de resíduos sólidos traz economia para o serviço público e benefícios para o planeta.


Texto completo:

PDF

Referências


AUGUSTINI, V. C. M.; KISHIMOTO, P.; TESCARO, T. C.; ALMEIDA, F. Q. A. Avaliação do índice de resto-ingesta e sobras em unidade de alimentação e nutrição (uan) de uma empresa metalúrgica na cidade

de piracicaba / sp. Revista Simbio-Logias, v. 1, n. 1, p. 99 – 110, 2008.

CALDAS, A. E. C. et al. Avaliação do desperdício de alimentos em unidade de alimentação e nutrição (uan) de um restaurante universitário na cidade de belém - pa. Nutrire, Suplemento (11º Congresso Nacional da SBAN), n. 36, p. 96–96, 2011.

FAO. FOOD AND AGRICULTURE ORGANIZATION OF THE UNITED NATIONS. The State of Food Insecurity in the World 2012. Economic growth is necessary but not sufficient to accelerate reduction of hunger and malnutrition. Rome, 2012.

Ferraz Junior. Estudo mapeia desperdício em restaurante universitário. 2010. Acesso em: 08 out. 2014. Disponível em: < http://www.usp.br/agen/?p=42585 >.

GONçALVES, B. et al. O compromisso das empresas com o combate ao desperdício de alimentos: Banco de alimentos, colheita urbana e outras ações. São Paulo, 2005.

GOULART, R. M. M. Desperdício de alimentos: um problema de saúde pública. Integração, n. 54, p.285 - 8. 2008. Acesso em: 14 abr. 2015. Disponível em:

< http://www.usjt.br/proex/produtos_academicos/285_54.pdf >.

HIRSCHBRUCH, M. D. Unidades de alimentação e nutrição: desperdício de alimentos x qualidade da produção. Revista Higiene Alimentar, v. 12, n. 55, p. 12 – 14, 1998.

IBGE. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - PNAD, 2012. Rio de Janeiro, 2013.

IFMG. IFMG - Campus Bambuí promove campanha "Desperdício Zero"em seu Restaurante. 2014. Acesso em: 08 out. 2014. Disponível em: < http://www.cefetbambui.edu.br/portal/ifmg-campus-bambu-promove-campanha-desperdicio-zero-em-seu-restaurante >.

INSTITUTO. A nutrição e o consumo consciente. Caderno Temático. São Paulo, 2003. Acesso em: 08 out. 2014. Disponível em: < http://www.akatu.org.br/Content/Akatu/Arquivos/file/nutricao(2).pdf >.

IPEA. Duas décadas de desigualdade e pobreza no Brasil medidas pela Pnad/IBGE, 2013. 159. ed. Brasília, 2013.

RIBEIRO, A. C. M.; SILVA, L. A. Campanha contra o desperdício de alimentos em uma unidade de alimentação e nutrição de curitiba. Revista Brasileira de Nutrição, v. 2, n. 6, p. 329 – 336, 2003.

SPERB, N. C. Redução do desperdício na campanha "Bandejão Premiado". 2013. Acesso em: 08 out. 2014. Disponível em: < http://www.concordia.ifc.edu.br/index.php? option=com_content&view=article&id=631:reducao-do-desperdicio-na-campanha-bandejao-premiado&catid=38:ensino-&Itemid=132 >.

VAZ, C. S. Restaurantes - controlando custos e aumentando lucros. Brasília, 2006. 196p.

VELLOSO, R. Comida é o que não falta. Superinteressante, v. 3, n. 174, p. 01 – 05, 2002.




DOI: https://doi.org/10.21439/conexoes.v10i1.787