MOTIVAÇÃO POPULACIONAL PARA PARTICIPAÇÃO EM UM PROGRAMA DE COLETA SELETIVA

Anny Kariny Feitosa, Júlia Elisabete Barden

Resumo


Este artigo simula a implantação de um programa de coleta seletiva na cidade de Juazeiro do Norte, Estado do Ceará, no nordeste brasileiro. O objetivo é identificar os fatores que estimulariam a participação da população em um programa de coleta seletiva, caso fosse implementado. O estudo consistiu de duas etapas: na primeira, foram entrevistados 360 munícipes entre os meses de novembro de 2016 a fevereiro de 2017. Os dados coletados foram analisados, através da análise de conteúdo temático-categorial para identificar as categorias principais de motivação para a população pesquisada participar do programa de coleta seletiva. Posteriormente, estimou-se o coeficiente de correlação phi (rφ) para identificar as variáveis motivacionais associadas à participação na coleta seletiva, bem como o coeficiente de Spearman (ρ) para analisar a associação com variáveis socioeconômicas. Como resultados, observou-se que 84,44% dos respondentes admitiram que participariam da coleta seletiva. De acordo com o coeficiente de correlação phi (rφ), a variável participação na coleta seletiva está mais associada à preocupação com a preservação do meio ambiente. Referindo-se às variáveis socioeconômicas, com base no coeficiente de Spearman (ρ), apesar da fraca correlação positiva, foi possível identificar que a maior intenção de participação no programa está associada a população com maiores níveis de escolaridade.

Palavras-chave


Sustentabilidade urbana; Coleta Seletiva; Motivação populacional

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21439/conexoes.v13i5.1773