CONTEXTUALIZAÇÃO E INTERDICIPLINARIDADE NUM CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA: UMA EXPERIÊNCIA VIVENCIADA NO IFCE CAMPUS SOBRAL

Antônio Nunes de Oliveira, Marcos Cirineu Aguiar Siqueira, Rodrigo Martins Lima

Resumo


É notória a importância da contextualização e da interdisciplinaridade durante as aulas de Física, sendo elas do nível básico ou superior. Embora sejam comprovadamente duas vertentes do ensino capazes de potencializar a participação do aluno na aula e ajudar na sua interação com o professor, propostas com esse perfil ainda são insuficientes para prover as necessidades educacionais contemporâneas. Este texto resulta de uma pesquisa qualitativa e exploratória, o qual relata uma experiência vivenciada onde se evidenciam as potencialidades de aulas contextualizadas e do diálogo entre áreas do conhecimento que integram a matriz curricular de um curso de licenciatura em Física. Nas aulas ora em destaque procurou-se promover um ambiente interdisciplinar, o que possibilitou aos graduandos perceberem a importância das disciplinas do currículo para uma compreensão mais geral dos fenômenos, e ainda entrelaçar a sua explicação ao modelamento matemático necessário à compreensão e interpretação de dados brutos, bem como às aplicações e repercussões no contexto social, político, econômico, cultural, ético e ambiental. Além disso, os resultados evidenciaram claramente a problemática da obrigatoriedade dos sábados letivos como forma de reposição das aulas perdidas por conta do período de greve na instituição, podendo este vir a ser um fator responsável por parcela significativa da evasão e retenção discente.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21439/conexoes.v14i4.1522