A Diversidade no Uso e Ocupação da Zona Costeira do Brasil: A Sustentabilidade como Necessidade

Fabiana Lima Abreu, Fábio Perdigão Vasconcelos, Mária Flávia Coelho Albuquerque

Resumo


A ocupação não sustentável ao longo das costas brasileiras, tem intensificado e acelerado processos de erosão das praias, de poluição de mares, lagoas, estuários e de descaracterização da cultura local. Esse trabalho trata-se de uma compilação bibliográfica e tem como objetivo explicitar as principais formas de uso e ocupação do litoral, incluindo a atividade turística, ressaltando a complexidade do ambiente costeiro e a relevância de atitudes e tomadas de decisões sustentáveis. Por fim, traz reflexões importantes sobre a necessidade de uma análise integrada da zona costeira, ou seja, uma abordagem que inclua preocupações ambientais, econômicas, sociais e culturais, promovendo uma distribuição mais justa das oportunidades, quer seja entre a população atual, quer seja entre as gerações atuais e futuras.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21439/conexoes.v11i5.1277